O que é a força vertical descendente e quais são as causas?

A força vertical descendente é uma força no sentido descendente que é exercida sobre o impulsor/a unidade do veio da bomba, durante o funcionamento. A maioria das bombas e dos motores é concebida de forma a que seja sempre necessária uma força vertical descendente durante o funcionamento. No entanto, forças verticais descendentes demasiado elevadas poderão também causar problemas se, por exemplo, uma bomba estiver a funcionar a um ponto de funcionamento com um caudal reduzido e, consequentemente, a uma pressão de descarga elevada. Em caso de funcionamento contínuo nesta gama, o rolamento axial do motor poderá ficar danificado. Além disso, a bomba e o motor poderão sobreaquecer devido à inexistência de caudal de refrigeração suficiente.

De forma a evitar a ocorrência destes problemas, a bomba deverá ser colocada em funcionamento dentro da gama de caudal especificada. As curvas para as bombas submersíveis da Grundfos representam a gama de caudal permitida na forma de uma linha contínua, com a gama de funcionamento não permitida representada como uma linha tracejada.





    Facebook Twitter LinkedIn Technorati