Forças do empanque do veio

As partes do empanque dentro da bomba estão sujeitas a uma força axial gerada pela pressão dentro da bomba.

O que são as forças do empanque do veio?

As partes do empanque dentro da bomba estão sujeitas a uma força axial gerada pela pressão dentro da bomba. Se a diferença de pressão entre o líquido bombeado e a atmosfera for superior a 20 bar, a força de fecho torna-se tão forte que evita a formação da devida película lubrificante hidrodinâmica. Consequentemente, as faces do empanque desgastam-se.

Redução das forças
A redução da área da pressão hidráulica afeta automaticamente a força axial no empanque. Logo, a força hidráulica das faces primárias do empanque irá diminuir, assim como a força de fecho.

A pressão da bomba que atua na área Ah provoca uma força de fecho que é exercida no empanque. A área Ah do empanque mecânico desequilibrado é superior à área As, e o rácio de equilíbrio k é superior a 1. 

A pressão de contacto na área da face deslizante ultrapassa a pressão do líquido bombeado. Estando o líquido bombeado a baixa pressão, o empanque mecânico desequilibrado é suficiente. A área Ah do empanque mecânico equilibrado é inferior à área As, e o rácio de equilíbrio k é inferior a 1. A área Ah pode ser reduzida diminuindo o diâmetro do veio.

Por outro lado, se o líquido bombeado estiver a alta pressão ou com uma velocidade elevada, é utilizado o empanque mecânico equilibrado. A pressão de contacto na área da face deslizante pode ser inferior à pressão do líquido bombeado. É frequente o rácio de equilíbrio escolhido ser cerca de 0,8.





    Facebook Twitter LinkedIn Technorati