Cálculo da perda de pressão

No sentido de selecionar a bomba correta e conseguir um sistema equilibrado, é necessário calcular a perda de pressão ao longo do sistema.

A perda de pressão em sistemas de aquecimento depende dos seguintes aspetos:
The loss of pressure in a heating system is related to:

• produção de calor: caldeiras, permutadores de calor, coletores solares, geradores, etc.; 
• distribuição: tubagens, encaixes, válvulas, bombas; 
• consumo de calor: radiadores, caloríferos, superfícies de aquecimento, ventiloconvetores, serpentinas de aquecimento, produção de água quente doméstica. 

O cálculo da perda de pressão nas tubagens pode ser realizado através da soma das perdas de pressão nas diferentes secções das tubagens, e nos elementos individuais de resistência (válvulas e encaixes):
ΔPtot  =  ΔPtubo + ΔPindividual [Pa]
ΔPtubo  =  Σ(½ x ρ x v² x ζp)
ΔPindividual  =  Σ(ζr x ½ x ρ x v²)
ρ  =  densidade do fluido
v  =  velocidade do caudal do fluido no tubo
ζp  =  coeficiente de atrito para secções de tubo direitas
ζr  =  coeficiente de atrito para elementos de resistências

As perdas de pressão em outros componentes do sistema, incluindo radiadores, superfícies de aquecimento, caldeiras, etc., são fornecidas pelos fabricantes.

Após o cálculo da perda total de pressão do sistema, os dados são utilizados para criar a curva de caraterísticas do sistema. Esta curva mostra a relação entre o caudal e a perda de pressão em todo o sistema. 

A seleção e o dimensionamento da bomba são realizados comparando as caraterísticas do sistema com as curvas de desempenho da bomba, para determinar o ponto de funcionamento esperado. 





    Facebook Twitter LinkedIn Technorati